Pedido de Música

Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

“Coisa Mais Linda”: relevância e pouco movimento - Rádio Teen.net

“Coisa Mais Linda”: relevância e pouco movimento

As mensagens transmitidas pelas personagens de “Coisa Mais Linda” são, desde a primeira temporada, a base de sustentação da série. Nos novos episódios, o relevante discurso feminista continua presente, mas fica claro que é preciso investir mais em dramaturgia. A produção mostra como as leis do início da década de 60 prejudicavam mulheres nos negócios e nas escolhas pessoais, por conta do olhar machista da sociedade que criminalizava as escolhas femininas e influenciava julgamentos, inclusive no judiciário. Todas essas abordagens provam que discussões do gênero ainda são necessárias, já que tudo isso segue acontecendo. As situações de racismo mostradas também criam boas possibilidades de debate sobre como muitos comportamentos preconceituosos são repetidos e minimizados. Por mais que as mensagens continuem potentes e relevantes, “Coisa Mais Linda” tem problemas dramatúrgicos no segundo ano. Mesmo envolvidos em muitos acontecimentos, os personagens se movimentam pouco, não há progressão significativa das trajetórias deles. Essa percepção fica mais forte por conta das tramas mal aproveitadas, que são finalizadas rapidamente e sem render o quanto poderia para a história. “Coisa Mais Linda” também assume de vez a influência dos folhetins e continua com uma trilha musical bastante inspirada. Texto completo sobre a segunda temporada no blog Trocando de Canal.

https://trocandodecanal.blogspot.com/2020/06/coisa-mais-linda-mantem-discurso.html?spref=fb&m=1

Escrito por Erick Rodrigues

 

 

Deixe seu comentário:

© Todos os direitos reservados a Rádio Teen.net 2020 Web Rádio administrável